Portal atualizado em: 27 de setembro de 2022 às 14:58h

Caps realiza palestra para usuários sobre prevenção ao suicídio e rede de apoio

Início Caps realiza palestra para usuários sobre prevenção ao suicídio e rede de apoio

Nesta quinta-feira (22), usuários do Centro de Apoio Psicossocial (Caps TM) participaram de uma palestra que tratou sobre a prevenção ao suicídio. Com o tema ‘Suicídio, Saúde Mental e Qualidade de Vida’, a ação faz parte do conjunto de atividades que marca a campanha ‘‘Setembro Amarelo – Por Amor à Vida’’, realizada pela Prefeitura de Sapé e coordenada pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS).

Cássio Brito, subgerente de Atenção Psicossocial, ressaltou sobre o conjunto de atendimentos multidisciplinares disponibilizados pela rede municipal de saúde, para atender as pessoas que procuram pelo serviço.

“Trabalhamos com um serviço imediato, completo e porta aberta, onde a população pode nos procurar diretamente para obter um atendimento multiprofissional adequado para tratar de casos em suas individualidades. A saúde em nosso município tem um olhar sensível para as mais diversas causas, e estamos de prontidão para discutir questões que salvem vidas,” finalizou.

A palestrante e psicóloga Jamila Leão Leime Matias conversou com os usuários sobre a importância de procurar ajuda de profissionais aptos para prestar auxílio em casos necessários, como também a necessidade dessa divulgação de disponibilidade de atendimentos através da saúde pública. A psicóloga ainda enfatizou que os centros especializados da cidade oferecem atendimento durante todo o ano.

“Falamos muito sobre essa temática no mês de setembro, mas é uma abordagem que trabalhamos durante todo o ano. Hoje estamos aconselhando sobre a importância do tratamento correto ao adoecimento mental, desde ansiedade até quadro de depressão severa. Temos uma rede especializada em saúde da mente e estamos disponíveis para fazer o melhor de acordo com cada situação”, pontuou.

Durante o todo o mês de setembro, ações estão sendo desenvolvidas no município. Além das dinâmicas alusivas ao Setembro Amarelo, as orientações e atendimentos são disponibilizados de segunda à sexta-feira, de 8h às 16h, sem intervalos, nos Centros de Atenção Psicossocial (Caps) da cidade, e os pacientes além de atendimentos psicológicos e psiquiátricos, contam com práticas integrativas como oficinas de esportes, dança, luta, torneios e demais recursos terapêuticos que buscam prevenir doenças e restabelecer saúde.

Setembro Amarelo – Campanha criada no Brasil, pelo Centro de Valorização à Vida (CVV), Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP) e Conselho Federal de Medicina (CFM), com o objetivo de reduzir o estigma do sofrimento mental e conscientizar a população a respeito do suicídio, uma das 10 principais causas de mortalidade em todo o mundo.

Compartilhar

Notícias Relacionadas

Ao continuar navegando no nosso portal, você concorda com a nossa Política de Privacidade. Para ter mais informações, acesse nossa página de Política de Privacidade