Atualizado em: 13 de abril de 2021 às 9:43h
Encontre o que você precisa aqui:

Prefeito de Sapé dá posse a secretários, determina redução de 20% no custeio, fim de gratificações e de telefonia móvel

Início Prefeito de Sapé dá posse a secretários, determina redução de 20% no custeio, fim de gratificações e de telefonia móvel

O prefeito de Sapé, Major Sidnei (Podemos) deu posse nesta segunda-feira (4) aos secretários municipais que estarão à frente das áreas estratégicas da gestão. Na cerimônia, ele solicitou um diagnóstico de cada pasta; determinou que cada gestor reduza em, pelo menos 20%, o custeio das secretarias; anunciou a suspensão de todas as gratificações e o fim dos planos de telefonia móvel para auxiliares, inclusive o próprio prefeito.

“Temos muitos desafios pela frente e, o primeiro deles, é colocar a ‘casa em ordem’, equilibrando as contas. Por isso, algumas medidas restritivas precisam ser adotadas agora. Também precisamos de um diagnóstico sobre a situação de cada Secretaria, pois a falta de um processo de transição transparente e efetivo prejudicou o levantamento da situação real que se encontra a Prefeitura”, comentou o prefeito durante a solenidade de posse coletiva, que aconteceu apenas com a presença dos secretários e autoridades, sendo transmitida pela internet.

Ao empossar os titulares, Major Sidnei ressaltou a capacidade de cada escolhido e a independência que ele e a vice-prefeita Lenilda Leôncio tiveram para levantar os nomes sem que houvesse interferência política.  Ele ainda reforçou a importância de que todos trabalhem com compromisso pelo melhor para a cidade e para o povo sapeense.

“Temos uma juventude de secretários querendo acertar. O que todos têm em comum é a atuação zelosa ao longo das intempéries na caminhada profissional e é esse mesmo empenho que será necessário para lidar com os desafios que cada Secretaria trará. Não tenho dúvidas que esta equipe é capaz de atender às demandas da nossa comunidade e olhar para cada morador de Sapé com atenção e cuidado”, pontuou.

Os 12 secretários foram empossados nas pastas municipais, sendo elas: Administração (Odete Inglith Targino Taveira), Executivo da Agricultura e Pesca (Egberto José Carneiro), Executivo da Comunicação (Genival Idalino da Silva Junior), Controle Interno (Priscilla Moura), Ação Social (Denise Ribeiro), Secretaria de Educação, Cultura, Esporte e Turismo (Fernanda Mendes Cabral), Finanças (Normando Paulo de Souza Filho), Executivo do Planejamento (Roniery da Silva Pereira), Saúde (Walter Serrano Machado Filho), Executivo do Meio Ambiente e Infraestrutura (João Batista Costa), Procuradoria Geral do Município (Aderbal de Brito Villar) e SMTRANS (Sgt Monteiro).

Além do prefeito e da vice-prefeita, a mesa solene foi composta pelo deputado federal Julian Lemos, o deputado estadual João Gonçalves, o presidente da Federação das Associações dos Municípios da Paraíba (Famup), George Coelho e o reitor da Universidade Federal da Paraíba, Valdiney Gouveia.

Emergência – No último dia 1º, dia da posse, o prefeito decretou estado de emergência administrativa e financeira pelo período de 90 dias, tempo para adoção de medidas que garantirão os serviços básicos e essenciais à população. A ausência do processo de transição pleno, com o devido repasse de informações fundamentais sobre a administração municipal foi o que motivou o novo gestor a recorrer ao decreto.

Compartilhar

Notícias Relacionadas

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support