Portal atualizado em: 20 de junho de 2024 às 9:47h

Prefeitura distribui panfletos e firma compromisso para garantia de direitos dos idosos

Início Prefeitura distribui panfletos e firma compromisso para garantia de direitos dos idosos

Prefeitura distribui panfletos e firma compromisso para garantia de direitos dos idosos

Autor: Assessoria

Prefeitura distribui panfletos e firma compromisso para garantia de direitos dos idosos

A Prefeitura de Sapé, em parceria com o Conselho Municipal da Pessoa Idosa (CMPDI) promoveu nesta terça-feira (15) uma ação em alusão ao Dia Internacional de Combate a Violência contra a Pessoa Idosa, com entrega de panfletos e blitz educativa para conscientizar a população a respeito dos direitos dos indivíduos na terceira idade. Essa foi […]

15/06/2021 13h43 Atualizado há 3 anos atrás

A Prefeitura de Sapé, em parceria com o Conselho Municipal da Pessoa Idosa (CMPDI) promoveu nesta terça-feira (15) uma ação em alusão ao Dia Internacional de Combate a Violência contra a Pessoa Idosa, com entrega de panfletos e blitz educativa para conscientizar a população a respeito dos direitos dos indivíduos na terceira idade. Essa foi a primeira vez que a gestão promoveu uma campanha de conscientização no município.

A atividade foi realizada através da Secretaria de Desenvolvimento Social, que firmou, junto ao Conselho, o compromisso para revisar e elaborar políticas públicas voltadas para a comunidade idosa e prestar apoio em ações futuras.

O prefeito Major Sidnei participou da agenda e reforçou a importância da população zelar pelos idosos e buscar pela garantia de seus direitos. “A maioria das pessoas tem algum idoso na família ou entre os conhecidos, e deve entender seu papel de respeitar os direitos e também estar atento para que outras pessoas não cometam abusos”, ressaltou.

De acordo com a presidente do Conselho, Viviane Cristina Cavalcante, os abusos contra idosos podem ocorrer de diversas formas. “Há a violência física, financeira, psicológica, institucional. Essas pessoas se tornam mais vulneráveis por conta das limitações e não conseguem se defender das violações, que muitas vezes acontecem dentro de casa”, detalhou.

Secretária de Desenvolvimento Social, Denise Ribeiro lembrou que apenas as denúncias podem ajudar os órgãos a chegarem nos casos. “É fundamental acionar as autoridades, ligar, usar nossa voz na defesa dos mais velhos. É nosso dever”, apontou.

Denúncia – A notificação de possíveis casos pode ser feita através do Disque 100 – Disque Direitos Humanos, ou pelas delegacias de polícia, na Defensoria Pública e no Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas).

 


Preferência de Cookies

Usamos cookies e tecnologias semelhantes que são necessárias para operar o site. Você pode consentir com o nosso uso de cookies clicando em "Aceitar" ou gerenciar suas preferências clicando em “Minhas opções”. Para obter mais informações sobre os tipos de cookies, como utilizamos e quais dados são coletados, leia nossa Política de Privacidade.